publicidade online supera TV no reino unido

VirgiSantaMariaMãedeDeus….

A 03 anos atrás me chamaram de louco.  Vocês sabem quem vocês são, queimem no inferno, rsrsrssrsr.

 

Do AdNews

A internet deixou para trás a televisão no Reino Unido. Pelo menos no quesito publicitário. De forma inédita, o meio digital recebeu mais investimentos no primeiro semestre do que o tradicional.

Durante os meses, o número atingiu 1,75 bilhão de libras, com crescimento de 4,6% e uma média de 23,5% das publicidades.

Para o presidente da IAB, Guy Phillipson, o salto veio mais cedo do que o esperado. “Este é um marco importante, pois é o primeiro mercado que ultrapassou a televisão”, disse.

De acordo com relatório da Internet Advertising Bureau (IAB), a televisão representa um gasto de 21,9% em anúncios para empresas, número que vem caindo com o tempo.

A Grã Bretanha é a líder em publicidade online, devido ao uso de redes sociais, banda larga rápida e popularidade de novos formatos de anúncios.

 

No Brasil

Segundo pesquisa publicada pela Ibope Monitor, em julho deste ano, a internet foi o canal de mídia que obteve o maior crescimento nos primeiros seis meses de 2009 com 21% e faturamento de R$ 784,6 milhões. No mesmo período do ano passado o total foi de R$ 649,3 milhões.

Apesar do alto faturamento da internet, a televisão ainda lidera o segmento com R$ 15,042 bilhões de investimentos em mídia no Brasil. Esse valor conta com os Pedidos de Inserção (PIs) do primeiro semestre deste ano. A participação das emissoras aumentou chegando a 54%, no ano passado era de 50% com R$ 13,378 bilhões. As TVs cresceram 12%.

Com R$ 177,1 milhões de investimento, no mesmo período do ano passado o valor era de R$ 170,7 milhões, a internet chegou a 3% de market share, acima do cinema que ficou com apenas 1%.

 

_tco

o pior comercial da história

A Microsoft se superou dessa vez.

_tco

mizuno… fazia tempo que eu não via na mídia

Eis que eles voltaram.

Esse anúncio aumentou o tráfego em seu site em mais de 60% em apenas 01 semana.  Resolveram levar para TV.

Para David Matthews, gerente de marketing da Mizuno, o anúncio foi um sucesso porque não prometia vantagens ou funcionalidades desnecessárias. “A campanha coloca como mensagem central a qualidade dos produtos, para que o consumidor pense sobre a simplicidade e a superioridade da marca Mizuno”, completou.

Agora eu pergunto.  Levando para a TV, como eles saberão o resultado REAL obtido?  Pelo aumento das vendas?  Duvido muito.  Por que diabos não deixar o anúncio contaminar os disseminadores -aqueles que irão adorar o produto- e deixá-los fazer seu trabalho.  Pra que investir uma fortuna em espaço de TV?

Enfim.. cada qual é cada qual.

_tco