competência + networking

Recentemente encontrei uma pessoa que é, como eu, o sr discórdia.  Concordando ou não com o assunto, o que interessa é causar discórdia ou, pelo menos, discussão.  Imagina nós dois em uma mesa de bar, rsrsrsrs.

Nesse clima começamos a conversar sobre direito -advogados, na verdade e claro, o assunto descambou para todas as profissões.

Ele defendia que um escritório gigantesco de adv é, na verdade, muito ruim.  Eu dizia que era bom (mentira, só conheço de nome).  Segundo ele, os caras só tem nome.  Eu respondo: ué, como você acha que eles construíram o nome? Com competência.

Eu lembrei um caso que ouvi anos atrás.  Que um cliente ficou maluco com um famoso advogado pois este tinha cobrado uma fortuna por uma petição simples. Foi um estagiário quem fez isso, dizia o cliente, e o advogado respondeu.  Ok, eu te dou de graça.  Então, com uma régua, ele simplesmente tirou seu nome e assinatura do documento e disse:  pronto, agora é uma simples petição…. 

Discussão vai, discussão vem …. até que chegamos no tema:  o que vale mais.  Ser excelente em networking ou muito bom profissionalmente?.  Os dois é a melhor resposta claro, porém essa não vale.

Sem ser bom de networking você não conseguirá mostrar seu valor, a não ser por um desses acasos da vida…. E sem ser bom profissionalmente você não conseguirá sustentar seu networking… resumindo … quem nasceu primeiro?

_tco

relacionamento

Uma dica sobre relacionamento.  Se você tem uma rede de contatos, não a use apenas quando precisa de algo.  Além de inútil, é no mínimo, feio.

é assim que você usa o seu?

é assim que você usa o seu?

A pior coisa é você receber um email, um msn, ou qualquer tipo de contato de um cara que simplesmente não fala com você há tempos e te pede alguma coisa.

Por favor, não faça.

_tco