idas e vindas….

Jeff Jarvis ilustra muito bem um dos problemas (ou oportunidades?) que a internet trouxe para as marcas.  Esse cara é jornalista e escreve um blog chamado BuzzMachine (www.buzzmachine.com).

E ele nunca foi muito famoso até, uns dois anos atrás, comprar um computador da Dell e … se dar mal.  De tanto tentar, e não conseguir resolver seu problema, ele criou o case: Dell Hell.  Aonde descrevia, detalhadamente, suas frustrações ao tentar resolver seu problema.

Poucas semanas após o primeiro post do Dell Hell o Google registrava mais de 5 milhões de ocorrências para a expressão.  O cara se tornou muito famoso e quem se deu mal dessa vez foi a Dell.

Claro, o grande problema que as marcas têm agora é que, qualquer consumidor pode relatar suas frustrações na web e, de repente, se tornar famoso por isso (sim, temos casos de concorrentes que depõem contra só de sacanagem -esses geralmente são descobertos rápidos).

Agora, a grande oportunidade é que o mesmo consumidor (talvez não aquele que se deu mal), mas um consumidor satisfeito poderá espalhar as boas novas do relacionamento entre a empresa e ele pela web.

Sim, as empresas preferiram usar técnicas “macabras” para burlar isso.  SEO Search Engine Optimization (uma série de ações que fazem com que o seu site apareca no topo da lista nos Googles da vida), que seria inofensivo se usado para o bem.  Mas as agências e empresas estão usando isso para subir o pagerank dos consumidores que falam bem (descendo os do que falam mal).  Isso é correto?

Outra técnica muito usada é a de “comprar” posts nos blogs.  Sim, algo como comprar uma notícia na revista Veja.  A empresa X compra espaço publicitário no blog, ou dá algum tipo de vantagem, dinheiro, presentes, etc em troca de boas resenhas do blogueiro.

Não sei se é o caso da Dell, mas o fato é que o BuzzMachine agora, fala bem deles….

Anúncios

Sobre tomás
Me chamo Tomás Oliveira, 31 anos, paulistano, nascido no Itaim, profissional de marketing e vendas. Tenho um filho de 07 anos, que começa a me desafiar, tentando provar que c* não é palavrão, Torcedor (não mais tão fanático quanto antes) do São Paulo, amante de leitura, cinema e jogar bola, adoro blues, jazz e rock´n´roll e outras coisas mais. Estou aqui para aprender e passar um pouco do que eu aprendi. É isso, acredito que já dá pra ter uma idéia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: