ganha mais quem… grita mais?

choro

Ninguém está isento disso, infelizmente.  Ainda, no Brasil (e talvez no mundo, não sei), se dá melhor quem grite mais.

Recentemente participei de um treinamento.  Estou falando de uma empresa de renome no mercado online, muito boa mesmo.  Infelizmente, nesse treinametno, só pude ficar 30 minutos e tive que ir embora (o treinamento tinha 08 horas de duração).

No dia seguinte, quando pedi que me dessem um treinamento de crédito, ou pelo menos algum desconto, me falaram que não podiam pois eu já tinha assistido.  Porra, eu assisti 30 minutos, 1/16 do total do curso, e vocês vêm me dizer isso?

(Será que as empresas daqui não podem fazer o que é certo, antes do consumidor ter que ameaçar, gritar, espernear, xingar ….)

Depois de tentar resolver pelos métodos normais, tive que ameaçar ir ao Procon e escrever no meu blog e em todas as colunas que escrevo sobre o caso para ver o que ia acontecer.

Recebi hoje um email dizendo que vão abrir uma excessão e me matricular gratuitamente em um treinamento de minha escolha.  Vê se pode.

Anúncios

Sobre tomás
Me chamo Tomás Oliveira, 31 anos, paulistano, nascido no Itaim, profissional de marketing e vendas. Tenho um filho de 07 anos, que começa a me desafiar, tentando provar que c* não é palavrão, Torcedor (não mais tão fanático quanto antes) do São Paulo, amante de leitura, cinema e jogar bola, adoro blues, jazz e rock´n´roll e outras coisas mais. Estou aqui para aprender e passar um pouco do que eu aprendi. É isso, acredito que já dá pra ter uma idéia.

2 Responses to ganha mais quem… grita mais?

  1. momarch says:

    Pois é, pode e normalmente é assim… Uma pena. Mas só é assim ainda porque o brasileiro é um povo que não valoriza o seu investimento e não reclama, não vai atrás dos seus direitos. Já imaginou quando todo mundo fizer o que você fez? As empresas tomarão mais cuidado com a maneira como tratam o consumidor, porque isso terá consequências diretas no seu sucesso e, conseqüentemente, no seu faturamento e expectativa de sobrevivência. Eu exijo sempre os meus direitos, muitas vezes passando por chata, mas fazer o quê? Alguém tem de ir atrás do que é certo. É bom saber que tem mais gente parecida comigo. Abs!!

  2. tomás says:

    Nem me fala. Isso acontece em todos os lugares/tipos de empresa, e é preocupante. Uma coisa que me deixa maluco é que eu, como empresa, sempre acabo tendo que ceder para o consumidor e, como consumidor.. sou obrigado a ceder para as empresas?? Jamais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: